Josué Neto vota favorável ao reajuste dos peritos da Polícia Civil

Foto: Filipe Augusto

A Assembleia Legislativa do Amazonas (Aleam) aprovou, nesta quinta-feira (8), a reestruturação remuneratória dos peritos da Polícia Civil, com reajuste de 42%. A categoria estava sem aumento há quatro anos, porque não foi beneficiada com o escalonamento concedido à PC em 2014.

A proposta, de autoria do governador Amazonino Mendes, estava  tramitando em regime de urgência, e foi aprovada por unanimidade pelos deputados. O projeto segue para sanção e o pagamento será retroativo a 1º de janeiro.

Para o deputado Josué Neto (PSD) o reajuste é a correção de algo que já deveria ter sido feito, mas que não tinha o aval do Executivo pela falta de recursos em caixa. Ele explica que se a proposta tivesse sido de autoria dos deputados, sem o aval do governador, ela poderia ser vetada por vício de iniciativa, já que se trata de matéria orçamentária.

O presidente da Casa, deputado David Almeida (PSD), avaliou que é uma vitória a ser comemorada pela categoria e disse que todos os projetos que forem beneficiar a população ou promover melhorias nos serviços públicos terão o apoio do Legislativo.

A presidente do Sindicato dos Peritos Oficiais do Amazonas (Sinpoeam), Viviany Pinto, que acompanhou a votação no plenário da Assembleia, afirmou que a medida corrigiu uma injustiça do escalonamento da Polícia Civil.

Compartilhe...