Equipes médicas do Amazonas deverão ter cirurgiões dentistas a partir de 2019

Foto: Filipe Augusto

A inclusão de cirurgiões dentistas nas equipes médicas dos hospitais públicos do Amazonas será iniciada a partir de janeiro de 2019. A medida está prevista na Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO), publicada no Diário Oficial do Estado na última sexta-feira (17), e é resultado de uma emenda parlamentar de autoria do deputado estadual Josué Neto (PSD).

O texto incluído pela emenda diz que o plano orçamentário do Estado previsto para 2019 deve apontar estimativa de recursos para “assegurar a efetiva aplicação da atuação do profissional da odontologia – cirurgião dentista – nas equipes multidisciplinares dos hospitais particulares, públicos estaduais e municipais do Amazonas”.

De acordo com o parlamentar a emenda é resultado de uma audiência pública realizada em junho na Assembleia Legislativa do Amazonas com odontologistas e representantes de órgãos de saúde estaduais e municipais, onde houve consenso de que o acompanhamento desses profissionais pode reduzir infecções por bactérias que podem desenvolver-se na boca de pacientes intubados, e também reduzir o custo com internações.

“Essas infecções aumentam o tempo de internação, e também o custo do hospital com o paciente. Se pudermos reduzir esses custos e principalmente salvar vidas através da inclusão de cirurgiões dentistas na equipe dos hospitais, não vejo porque não fazê-lo”, afirmou Josué Neto.

Na audiência a secretária adjunta da Secretaria de Estado da Saúde (Susam) na capital, Denise Machado, disse estar ciente dos benefícios da odontologia hospitalar na prevenção e tratamento de doenças e que se trata de “mais uma ação para melhorar a vida da população”.

Compartilhe...