Josué Neto destaca capacidade turística de Parintins

Foto: Joel Arthus

“O Festival Folclórico de Parintins não é somente festa. Parintins vive do folclore”. A declaração é do presidente da Assembleia Legislativa do Amazonas (Aleam), deputado Josué Neto, que cumpriu agenda em Parintins nesta quarta-feira (26), junto ao Governador Wilson Lima (PSC), onde participou das reinauguraçõesdo Centro Educacional de Tempo Integral (CETI) Deputado Glaucio Gonçalves e do Turismódromo, e da programação da 16ª Mostra de Artesanato e Economia Solidária do município.

“O Festival Folclórico de Parintins não é somente festa. Parintins vive do folclore e isso gera emprego e renda. Existem pelo menos dez eventos anuais aqui em Parintins que trazem visitantes e turistas. São pelo menos cinco grandes cruzeiros internacionais todo ano passando por aqui comprando artesanato, assistindo aos shows dos bois, e deixando renda para o município. E Parintins, graças a Deus, vive de seu folclore e isso pode melhorar e nós vamos melhorar”, afirmou Josué Neto.

Josué Neto é autor dos projetos que tornaram tanto o Festival Folclórico de Parintins quanto as festas “Boi de Rua”, do Caprichoso e “Alvorada do Garantido”, como Patrimônio Cultural e Imaterial do Amazonas. “Com esse reconhecimento fica mais fácil captar recursos dos Ministérios da Cultura e do Turismo”, afirma Josué Neto.

Na agenda do governador o presidente da Aleam participou da abertura do Turismódromo que irá orientar os visitantes do Festival no melhor roteiro turístico de serviços de Parintins. Josué Neto também participou da reinauguração do Centro Educacional de Tempo Integral (CETI) Deputado Glaucio Gonçalves.

“Esta escola sempre recebeu prêmios nacionais de Educação, é recordista também nas notas do Fundeb e aprova muitos alunos no vestibular. Temos certeza que a educação de Parintins está muito a frente e o governador Wilson lima dará continuidade a isso. Porque aqui se faz um trabalho de Educação com os jovens, acima de tudo, com atividades extracurriculares. Um modelo que deu muito certo na Europa e trabalhar pela educação é trabalhar pelo futuro do amazonas”, declarou Josué Neto.

Compartilhe...